'The Economics of Happinness', documentário

.

.

.

.

A globalização económica levou a uma enorme expansão na escala e poder dos grandes negócios e serviços bancários. E, também piorou quase todos os problemas que enfrentamos: o fundamentalismo e o conflito étnico; o caos climático e a extinção de espécies; a instabilidade financeira e o desemprego. Existem custos pessoais também. Para a maioria das pessoas, viver neste planeta está a tornar-se cada vez mais stressante. Nós temos cada vez menos tempo para os amigos e a família e enfrentamos pressões crescentes no trabalho.

 

'The Economics of Happiness' é um documentário de 2011 que descreve um mundo em movimento simultaneamente em duas direções opostas. Por um lado, o governo e as grandes empresas continuam a promover a globalização e a consolidação do poder corporativo. E por outro lado, por todo o mundo as pessoas estão resistindo a essas políticas, exigindo uma re-regulamentação do comércio e das finanças e, longe das antigas instituições de poder, elas estão começando a forjar um futuro muito diferente. Algumas comunidades estão-se unindo para reconstruir economias à escala humana e ecológicas, com base num novo paradigma - uma economia de localização.

 

Ouvimos um coro de vozes de seis continentes, incluindo Samdhong Rinpoche, primeiro-ministro do governo do Tibete no exílio, Vandana Shiva, Bill McKibben, David Korten e Zac Goldsmith. Eles dizem-nos que a mudança climática e o pico do petróleo dão-nos pouca escolha: precisamos de 'localizar' (o oposto de globalizar) para trazer a economia para casa. A boa notícia é que, à medida que avançamos nesta direção, vamos começar não só a curar a terra, como também a restaurar a nossa própria sensação de bem-estar. 'The Economics of Happiness' restaura a nossa fé na humanidade e desafia-nos a acreditar que é possível construir um mundo melhor.

 

 

 

.

.

Artigos relacionados:

publicado por odespertardoser às 13:54