EVOLUÇÃO QUÂNTICA - 'THE 100th MONKEY EFFECT'

 

 

O FENÓMENO DO CENTÉSIMO MACACO

 

Que fenómeno é este? Bem...trata-se de um salto quântico da consciência, espontâneo e misterioso, obtido quando uma massa crítica é atingida.

Vivemos numa Realidade Holográfica onde uma mudança de uma parte do Holograma cria uma onda de efeito que começa a afectar todo o Holograma.

O ponto de massa critica é referido como o centésimo macaco devido a uma experiência feita nos anos sessenta por alguns primatologistas japoneses: um macaco ensinou outro a lavar batatas, que ensinou outro, ...que ensinou outro, e em pouco tempo todos os macacos da ilha lavavam as batatas quando nenhum antes as tinha lavado. Quando o centésimo macaco aprendeu a lavar batatas, repentina, espontânea e misteriosamente os macacos de outras ilhas, sem contacto físico com os primeiros, começaram a lavar batatas!

 

 

Esta historia do centésimo macaco (que não eram necessariamente 100) está também implícita nos estudos do inglês Rupert Sheldrake (biólogo e autor de mais de 80 documentos científicos e livros) sobre Telepatia e Ressonância Mórfica. Rupert mostra que quando um grupo de indivíduos (macacos, homens, insetos etc.) começa a assumir determinado comportamento, vai criando uma massa crítica que, a partir de determinado número, faz com que todos os indivíduos desta espécie passem a se comportar da mesma forma. Os campos morfogenéticos são a memória coletiva, a qual recorre a cada membro da espécie e para a qual cada um deles contribui. É este campo que transmite a informação para o salto evolutivo, ou para a manutenção do padrão vigente.

Os campos mórficos estão intimamente relacionados com os laços afetivos entre indivíduos. São afinidades que surgem entre os indivíduos na sua convivência. Essas afinidades são responsáveis pela comunicação de informação. E são os campos morfogenéticos que levam a informação, não a energia, e são utilizáveis através do espaço e do tempo sem perda alguma de intensidade depois de terem sido criados. Eles são campos não físicos que exercem influência sobre sistemas que apresentam algum tipo de organização inerente.

 

 

 

 

 

Não podemos negar que este novo conhecimento vem facilitar a compreensão da evolução social ou mesmo biológica nas espécies animais. Assim sendo, não podemos deixar de assumir o quanto TODOS somos responsáveis pelo que está acontecendo no planeta. Quando fazemos ou não fazemos algo, estamos contribuindo para a sustentação ou criação desta massa crítica.

São as escolhas que fazemos agora, da sopa quântica de possibilidades existentes no futuro, que criam o nosso presente. E é no presente, no Agora que devemos nos focar para conseguirmos mudar seja o que for.

A Grande Mudança, por que todos esperamos, na nossa Realidade Holográfica é o despertar do coração da humanidade. Esta mudança é uma transformação coletiva que consiste na soma das etapas de cada indivíduo para a Nova Realidade. Cada pessoa, em seu próprio tempo, está a avançar a um estágio de consciência que traz uma ampla vista e uma consciência que brota do coração. Quando a atenção primária de muitos de nós ficar focada no seu chacra cardíaco, então o "efeito do centésimo macaco" irá ocorrer.

.

.

Artigos relacionados:

 

 

publicado por odespertardoser às 17:36